| 
  • If you are citizen of an European Union member nation, you may not use this service unless you are at least 16 years old.

  • You already know Dokkio is an AI-powered assistant to organize & manage your digital files & messages. Very soon, Dokkio will support Outlook as well as One Drive. Check it out today!

View
 

Karine Oliveira

Page history last edited by PIBID UERGS ALEGRETE 8 years, 6 months ago

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98322336/logofinalpng.png

 

Plano de Intervenção Pedagógica

 

Data: 25/11/2015

 

Dados de Identificação:

Escola: I. E. E. Oswaldo Aranha

Professor (a): Suelen

Pibidiano (a) (as/os): Karine Oliveira Horner

Ano: 2015/2

Turma: 1° ano

Período: Tarde

 

Observação:

 

Tema Valores

 

Objetivos:

Objetivo geral:

   Conscientizar os alunos da necessidade do cuidado com o outro e a importância de construir um mundo mais justo e fraterno.

 

Objetivos específicos:

- Estimular atitudes que evidenciem bons valores de convivência 

- Ampliar o vocabulário

- Resgatar valores que possibilitem aos alunos a reflexão sobre uma transformação para uma melhor convivência social

 

Conteúdo: Linguagem oral e escrita: Leitura, letra inicial, final, vogais, consoantes, separação de sílaba

                  Ciências Humanas:  valores

                  Matemática: quantificação, classificação

 

Desenvolvimento do tema:

A)  Assistir o filme Pinóquio 

B)  Interpretação oral

   - O que vocês acharam da história?

- Como se chamava o carpinteiro? - Quem apareceu para dar vida ao boneco?

- Como se chamava o boneco de madeira? - Onde ele deveria ir quando o pai falou?

- O que aconteceu com ele na história? - O que o Pinóquio fazia que crescia o nariz?

- Por onde Gepeto procurou o Pinóquio?

- É importante sempre dizer a verdade? Por quê?

- Vocês já ouviram o ditado "A mentira tem pernas curtas?" O que isso quer dizer?

- Já imaginaram o que aconteceria se todas as vezes que mentíssemos o nosso nariz crescesse?

 

C) Será falado sobre valores, seus significados D) Em seguida iremos fazer juntos um acrostico da palavra PINÓQUIO (Paciência, Integridade, Nobreza, Obediência, Querido, União, Inteligente, Ouvir) colocando valores que devemos ter para um bom convívio no ambiente social.

.

E) Cada  aluno  irá receber palavras escritas  em tiras em   papel pardo  (respeito, alegria, verdade, obediência...) onde será explorado a letra inicial, a letra final, a quantidade de letras e a quantidade de pedacinhos da palavra ou seja,  de sílabas.

 

F) Após, essas palavras serão, por eles, coladas no papel pardo para que possam visualizar diariamente o que devem  praticar no convívio familiar e social , para contribuir para a construção  um mundo mais fraterno e de melhor convivência.

.

Avaliação:

Será observado o aproveitamento de cada aluno respeitando sua individualidade, se o conteúdo transmitido contribuirá para assimilação de valores com a prática de bons hábitos.

 

Reflexão:  neste dia, as crianças ao verem o Data Show instalado na sala de aula, mostraram uma euforia muito grande e perguntavam o que iriam ver.  Expliquei que íamos assistir a um filme sobre um bonequinho chamado Pinóquio e que todos deveriam prestar atenção para depois falar o que aconteceu com ele.

Na hora do filme foram conversando baixinho o que ia acontecendo com Pinóquio, em seguida fui perguntando como era o nome do filme, o que acontecia com Pinóquio quando mentia, se era correto mentir. A participação das crianças foi significativa pois participaram da discussão "A mentira tem pernas curtas”. A maioria sabia da importância de dizer a verdade sobre onde vai, o que vai fazer, falar sempre a verdade para os pais ou responsáveis.

      As palavras trabalhadas foram lidas com toda a turma e todos questionados sobre seus significados e apesar de serem pequenos mostraram que esses valores são trabalhados na escola e no contexto familiar.

    Na construção do acrostico fui explicando aos poucos com seria feito através de algumas palavras que já tínhamos lido e de outras que foram aos poucos sendo lidas pelas crianças já alfabetizadas da turma.

As crianças têm dificuldade de trabalhar a separação de silabas a leitura em si foi bem entendida pela maioria da turma, foi bem trabalhada quantos pedacinhos tem a palavra (ex: amizade: letra inicial, final quais são as vogais, consoantes, quantas letras)

Para finalizar todas as crianças foram colando no papel pardo as suas palavras  e lendo  as  que estavam  sendo coladas a turma esta aos poucos evoluído porque tive no inicio dificuldade em trabalhar com eles  devido pouco tempo de concentração e dificuldade  de entendimento das atividades proposta para o dia mas hoje pude perceber a diferença da primeira intervenção para a ultima o crescimento na hora a leitura o espera para fazer a atividade, parabéns turma do primeiro ano do Oswaldo Aranha pelo aprendizado nesse tempo que passamos juntos.

 

Plano de Intervenção Pedagógica

 

Data:11/11/2015

 

Dados de Identificação:

Escola: I. E. E. Oswaldo Aranha

Professor (a): Suelen

Pibidiano (a) (as/os): Karine Oliveira Horner

Ano: 2015/2

Turma: 1° ano

Período: Tarde

 

Observação:

 

Tema Diversidade

 

Objetivos:

Objetivo geral:

 

    Reconhecer a diversidade presente em sala de aula e a importância da convivência respeitando o outro.

 

Objetivos específicos:

 

- Estimular o respeito às diferenças.

-Identificar semelhanças e diferenças entre os colegas

Conteúdo:  Ciências Humanas: Temas Transversais: Arte:  desenho e pintura

 

Desenvolvimento do tema:

 

- Iniciarei a aluna através de uma propaganda que estará escrita no quadro onde irão colocar as letras sucessor do alfabeto (C,H,U,D,Q,R,H,C,Z,C,D) para descobrirem a palavra Diversidade e questionando dando pistas para descobrirem o seu significado.

- Irão assistir ao resumo do filme o Dumbo, trabalhando as diferenças preconceito e discriminação social, analisando esses comportamentos   em sala de aula e suas semelhanças e diferenças.

- Interpretação oral;

- O que vocês acharam da história?

- Quais são suas características principais?

 - Você conhece alguém que se parece com você em algum aspecto?

 

- Para finalizar todos irão desenhar as suas características se auto desenhando e colar no papel pardo seus desenhos construíndo um painel com o titulo RESPEITANDO ÀS DIFERENÇAS.

 

- Brincadeiras:

 - Trabalhando o equilíbrio. O Malabarista - Fazer traços diferenciados no chão: retos, ondulados, curvas, círculos e outros. A proposta é as crianças brincarem de andar em cima do risco em diferentes posições como: na ponta dos pés, apenas com os calcanhares, com as mãos na cabeça, com as mãos na cintura, segurando um copo d’água, sem sair de cima dos riscos.

 

.

Avaliação:

 Como critério serão considerados os índices de envolvimento do aluno na atividade e o reconhecimento da importância da diversidade em sala de aula .

 

 

Reflexão:

 

    Neste dia de intervenção foi passado um filme o Dumbo trabalhando as diferenças, preconceitos e discriminação social entre os colegas. Demorou mais que o previsto o filme porque o áudio estava com problema e a professora regente foi conseguir uma caixa de som.  Enquanto isso fui fazendo perguntas sobre a diversidade: se já ouviram falar e se sabiam o significado. Fui questionando aos poucos e as crianças foram interagindo ate descobrirem o seu significado.

    Ao assistirem ao filme iniciei a interpretação oral onde os alunos comentaram que ficaram tristes pela situação do Dumbo foi conversado sobre preconceito, discriminação e o respeito que temos que ter com o outro.

    A turma foi dividida em duplas para melhor conhecerem as características de cada colega. A pibidiana e a professora regente ficaram na frente dos alunos para explicarem o que era para fazer. Aos poucos fomos falando sobre as características e semelhanças de cada uma e a turminha foi se dando e conta qual eram as características diferentes e semelhantes das duplas. Assim os alunos poderiam fazer o seu autorretrato colocando a cor dos cabelos, a altura etc.

Para finalizar o trabalho faríamos a construção do painel e a atividade de recreação, mas não foi possível realizar essas atividades com a turma devido ao tempo de realização da intervenção ter acabado.

 

Plano de Intervenção Pedagógica

 

Data: 04/11/15

Dados de Identificação:

Escola: I.E.E. Oswaldo Aranha

Professor (a): Suelen

Pibidiano (a) (as/os): Karine Oliveira Horner

Ano: 2015/2

Turma: 1° ano

Período: Tarde

Observação:

Tema: Alegrete em foco

Objetivos:

 

Objetivo geral: Estimular a curiosidade natural das crianças para a aquisição de novas descobertas e para a construção de novos conhecimentos;

  

Objetivos específicos:

- Possibilitar o contato e a interação com diferentes materiais desafiadores

- Percepção sonora e musical: a escuta atenta, apreciação, concentração.

- Interpretação musical, explorando a criatividade através do Canto Alegretense.

 

Conteúdo:

Geografia -  localização geográfica

 Arte - desenho na lixa com giz de cera

Música - Canto Alegretense

 

Desenvolvimento do tema:

 

- Primeiramente irei mostrar o mapa do Rio Grande do Sul para nos localizarmos o Alegrete  dando exemplo com a caixa concêntrica para os alunos aos poucos irem se organizando (cidade , estado, pais planeta)

- Escutar música do Canto Alegretense que será entregue para os alunos já impressa as duas primeiras estrofes.

- Pintar os espaços entre as palavras e procurar a palavra ALEGRETE e pintar de qualquer cor. 

- Logo após os alunos irão fazer um desenho sobe a lixa do que mais lhe chamou atenção ao ouvir a música.

Avaliação: No decorrer das atividades, será observado o desenvolvimento motor e a concentração dos alunos.

Reflexão: Neste dia iniciamos com uma conversa sobre a localização do   nosso município, estado, pais e planeta. Na explicação com a utilização das caixas tiveram dificuldade em organizar a sequência das nomenclaturas.

Escutamos a musica, onde foi explicado alguns significados como ginete, flor de tuna entre outros, e consegui que prestassem um pouco de atenção nesta hora pois estavam dispersos devido que a professora chamava de dois em dois para entregar o trabalho  da aula anterior .

Em artes fizeram trabalhos maravilhosos, com capricho e todo o cuidado para entregar.  Tenho que trabalhar com essa turma a questão de limites e organização na hora de formar a fila porque há uma disputa de ficar em primeiro lugar e isto está gerando um problema grande   ocasionando choro e brigas.

 

Plano de Intervenção Pedagógica

 

Data: 28/10/15

 

Dados de Identificação:

Escola: I.E.E. Oswaldo Aranha

Professor (a): Suelen

Pibidiano (a) (as/os): Karine Oliveira Horner

Ano: 2015/2

Turma: 1° ano

Período: Tarde

 

Observação:

 

Tema: Alegrete

 

Objetivos:

 

Objetivo geral:

 

Desenvolver a criatividade do aluno.

 

Objetivos específicos:

 

Estimular o trabalho em grupo;

Aprender a construir brinquedos com material reciclável;

Conscientizar para a preservação do meio ambiente;

 

Conteúdo:

 

 Arte montar um trem com material reciclável

 Pintar com tinta guache

 

Desenvolvimento

A professora irá dar início a aula mostrando no slide sobre a Alegrete sobre a   Viação Férrea e Rodoviária observando as fotos antigas da máquina do trem e os vagões fazendo os questionamentos  Na frente da rodoviária tem um meio de transporte que se usava muito antigamente para viajar o que é? De que material é o trem? Como se locomovia usavam gasolina, que nem os carros? As rodas eram feitas de pneus? Qual é o nome da estrada por onde os trens se locomove? O que se carregava nos trens antigamente e nos dias de hoje? Devemos passar ou brincar nos trilhos dos trens?

- Depois irão fazer a releitura da viação férrea   construindo um trem a partir de caixas  de ovos

Avaliação:

 

Espera-se um desempenho satisfatório na participação dos alunos mediante a integração entre os mesmos e com a atividade proposta.

Reflexão:

 

As crianças nesse dia estavam com fantasias pois a escola organizou uma festa de halloween para a interação com os alunos juntamente com e os professores.

Para dar inicio a aula foi mostrado nos slides as fotos antigas do Alegrete para que as crianças poderem interagir uma com as outras sobre os lugares que hoje eles conhecem e aos poucos todos começaram a falar quais eram esses lugares, dizendo que passeavam com seus pais quase todos os finais de semanas.

Quando fiz a pergunta qual meio de transporte fica na frente da rodoviária a maioria se lembrou   da Maria Fumaça e através dos questionamentos as crianças participaram ativamente respondendo om a certeza de que o material   do trem era feito de ferro. Um aluno relatou que seus avós moravam perto dos trilhos e quando vinha para a escola tinha dias que passava pela passarela.

O trabalho de artes realizado pela turma foi bem criativo. Deixei livre a escolha das cores pois   cada vagão ficou colorido.   Fizeram com capricho. Logo após a pintura e o trem estarem prontos foram brincar com o seu trenzinho.

 

Plano de Intervenção Pedagógica

 

Data: 21/10/2015

 

Dados de Identificação:

Escola: I. E. E. Oswaldo Aranha

Professor (a): Suelen

Pibidiano (a):  Karine Oliveira Horner

Ano: 2015/2

Turma: 1° ano

Período: Tarde

 

Observação:

 

 

Tema:  Criança

 

 

Objetivos:

 

Objetivo geral:

 

Conhecer e nomear as partes do corpo;

 

Objetivos específicos:

 

- Desenvolver atividades de maneira lúdica.

- Incentivar o aluno a desenvolver exercícios de motricidade ampla,

 

Conteúdo:  Artes – recorte e colagem com eva

 Música: História de Palhaços da Eliana

Movimento: dança da música e recreação dirigida

 

Desenvolvimento do tema:

 

- Será presentada a música onde todos irão dançar  identificando as partes do corpo.

 

- Montar o palhaço que estará dividido em partes (cabeça tronco e membros) no papel pardo colado na frente do quadro, para montar as partes de seu corpo.

.

- Para registrar esse trabalho cada criança irá ganhar o seu palhaço em pedaços para montar no seu caderno e colar pedacinhos de eva picado para fazer a roupa colorida do palhaço.

 

- Atividades de recreação da aula anterior   

 

- COELHINHO NA TOCA 1, 2, 3

 

Um grande círculo. A cada três alunos, configura-se uma toca, onde o aluno do meio é o coelho e os dois das extremidades, de mãos dadas, formam a toca. Todas as tocas formam um grande círculo, no centro está um aluno, será o coelho sem toca. Quando o professor disser "coelhinho na toca 1,2,3", todos os coelhinhos trocam de toca e o que está no centro procura uma toca. O aluno que não conseguir sua toca, vai para o centro do círculo, passando a ser o coelho sem toca.

 

- VARAL

 

Duas ou mais colunas. A alguns metros à frente deve-se colocar uma corda elástica estendida na largura do espaço adquirido, a uma altura ao alcance dos alunos, e duas ou mais camisas (dependendo do número de colunas) "presas'' na corda, cada uma com dois pregadores, imitando um varal. Ao sinal do professor, o primeiro aluno da coluna correrá até o varal, tirará a camisa e a vestirá; colocará em seguida os pregadores no varal. Só assim poderá voltar até o seu colega que está à frente da coluna. Tirará a camisa e deverá entregá-la ao próximo, que irá vesti-la, neste local, e logo após levar até o varal. Tirará a camisa e a prenderá com os pregadores. Voltará, em seguida, até a sua coluna. Os demais companheiros repetirão a atividade até chegar ao último da coluna.

 

Para finalizar a atividade irão desenhar as brincadeiras que mais gosta de brincar em  casa ou na escola.

 

 

Avaliação:

 

Observar se os objetivos propostos para esta aula foram gradativamente compreendidos e atingidos pela turma.

 

Reflexão:

 

A aula deu inicio com as crianças perguntando se teria música o que me chamou atenção era felicidade deles pedindo que trouxesse cada vez mais atividades assim.

A turma é receptiva sempre em cada atividade proposta aos alunos. Primeiramente cantei a música para que todos prestassem atenção em seguida calei a música para que todos fizessem a coreografia juntos. 

A professora explicou que iriam montar o palhaço que estava dividido em partes (cabeça, tronco e membros) aos poucos a professora  ia pedindo  um por um das crianças que tinham os pedaços  quem tem a cabeça colava  no papel pardo, quem tem o corpo e assim seguindo a sequencia  foi montado três vezes o palhaço. 

 Para dar sequencia cada aluno ganhou um envelope que continha as peças do palhaço não tiveram dificuldade para montar, porque foi bem trabalhado o desenho. Foram criativos na atividade de colagem para dar cor ao palhaço.

A recreação Coelhinho na toca 1 2 3 foi dado os nomes dos três palhaços pimpão, Zezé e o zum zum para brincar teriam que ficar atento quando pedisse para trocar de casa o palhaço Zezé, em seguida o pimpão e o zum zum os outros continuariam em suas tocas e assim no final todos os palhaços trocando de casa.

Os alunos conseguiram gradativamente cada um em seu tempo foi atingido a proposta de conhecer as partes de seu corpo, sendo na atividade lateralidade tem que ser mais estimulada em aula.

 

Plano de Intervenção Pedagógica

 

Data: 14/10/2015

 

Dados de Identificação:

Escola: I.  E. E. Oswaldo Aranha

Professor (a): Suelen

Pibidiano (a) (as/os): Karine Oliveira Horner

Ano: 2015/2

Turma: 1° ano

Período: Tarde

 

Observação:

 

 

Tema:    Dia da Criança

 

Objetivos:

 

Objetivo geral:

Melhorar a capacidade de leitura e compreensão do texto

 

Objetivos específicos:

Desenvolver no aluno o prazer da leitura,

Usar o conhecimento sobre o valor sonoro das letras.

Conteúdo:

 

Construção da escrita e leitura

 

Desenvolvimento do tema:

 

 Distribuir uma cópia do texto “Ser Criança” para cada aluno em seguida a leitura pela professora com os alunos de forma que todos tenham conhecimento do pequeno texto.

Fazer a leitura individual, coletiva e interpretação do texto O que a criança tem direto? E deveres? Com que as crianças brincam no texto?

 

No texto irão pintar os espaços entre as palavras, procurar palavras que terminem com “ÃO” (proteção, atenção, papelão, caminhão) pintar de vermelho,

                                                 

Será entregue uma folha Caça palavras referente ao texto copiar no caderno as palavras para leitura e separação das sílabas.

 

Atividade de recreação COELHINHO NA TOCA 1, 2, 3

Um grande círculo. A cada três alunos, configura-se uma toca, onde o aluno do meio é o coelho e os dois das extremidades, de mãos dadas, formam a toca. Todas as tocas formam um grande círculo, no centro está um aluno, será o coelho sem toca. Quando o professor disser "coelhinho na toca 1,2,3", todos os coelhinhos trocam de toca e o que está no centro procura uma toca. O aluno que não conseguir sua toca, vai para o centro do círculo, passando a ser o coelho sem toca.

 

VARAL

Duas ou mais colunas. A alguns metros à frente deve-se colocar uma corda elástica estendida na largura do espaço adquirido, a uma altura ao alcance dos alunos, e duas ou mais camisas (dependendo do número de colunas) "presas'' na corda, cada uma com dois pregadores, imitando um varal. Ao sinal do professor, o primeiro aluno da coluna correrá até o varal, tirará a camisa e a vestirá; colocará em seguida os pregadores no varal. Só assim poderá voltar até o seu colega que está à frente da coluna. Tirará a camisa e deverá entregá-la ao próximo, que irá vesti-la, neste local, e logo após levar até o varal. Tirará a camisa e a prenderá com os pregadores. Voltará, em seguida, até a sua coluna. Os demais companheiros repetirão a atividade até chegar ao último da coluna.

 

Para finalizar a atividade irão desenhar as brincadeiras que mais gosta de brincar em casa ou na escola.

 

Avaliação:

Será considerado o envolvimento do aluno com as atividades propostas

 

Reflexão:

 

 

Neste dia de intervenção comecei com a leitura do texto, que foi exposta no papel pardo. Destaquei a primeira letra em vermelho, colei na frente do quadro onde as crianças acompanharam a leitura com muita dificuldade, pois tive que orientar um por vez nas suas classes. Na hora da atividade de pintar os espaços e localizar palavras com final ÃO a maioria se saiu bem, somente dois alunos realmente não entenderam a atividade.

 Na construção da casinha de boneca e o carrinho de papelão, a turma ficou bem eufórica.  Quando foi falado que iriam pintar com tinta guache, a professora relatou que não tinham trabalhado com tinta desde que assumiu a turma em agosto.

Para acalmar e organizar as alunas foi dividido a pintura cada uma recebeu um pedaço para pintar da casa. E assim também com os meninos para a pintura do caminhão. O trabalho tomou muito tempo para poder finalizar por isso não foi possível trabalhar a recreação com a turma que ficou para a próxima aula.

 

 

Plano de Intervenção Pedagógica

 

Data: 07/10/2015

 

Dados de Identificação:

Escola: I.  E. E. Oswaldo Aranha

Professor (a): Suelen

Pibidiano (a) (as/os): Karine Oliveira Horner

Ano: 2015/2

Turma: 1° ano

Período: Tarde

 

Observação:

 

Tema:  ANIMAIS

 

Objetivos:

 

Objetivo geral: Desenvolver a capacidade de atenção e concentração

 

Objetivos específicos:

 

Desenvolver a linguagem oral e capacidade de falar e ouvir

Ampliar a atenção visual e a concentração

Proporcionar um ambiente de livre imaginação e criatividade;

 

Conteúdo:

 contação de história, artes, separação de sílabas

 

Desenvolvimento do tema:

 

- Darei início a minha intervenção com um diálogo perguntando aos alunos se tem algum bicho de estimação, que bicho? Qual nome dele?

- Logo após a conversa será realizada a contação da história “A LONGA JORNADA PARA CASA” de David Bedford e Penny Ives londe será feito questionamentos de interpretação do texto: 

O nome do livro?

Como é o nome do cachorrinho?

Quantos animais aparecem na história?

O que que o Dexter estava procurando?

Qual é o cuidado que devemos ter com cada animal?

- Desenhar os animais que fazem parte da história dando o nome para a gata, a raposa, a coruja.

- Será falado com os alunos para prestarem atenção e poder identificar os animais através do som para identificar qual animal faz esse tipo de ruído e a cada animal descoberto a professora vai escrevendo   nome no quadro em seguida será feita a ,leitura das palavras, quantas vogais, quantas letras   copia no caderno para separação das sílabas.

 

Recursos:

 

Livro, notbook, caixa de som, folha branca, Lápis de cor, giz de cera caderno, lápis de escrever, borracha

 

Avaliação:

 

A avaliação ocorrerá em todos os momentos através da observação da participação dos alunos durante a realização das atividades propostas,

 

Reflexão:

 

No inicio desta atividade conversamos sobre quais animais tinham foi uma conversa bem significativa uma falou que o gatinho ficou machucado quando estava fugindo do cachorro a outra aluna falou que o seu cachorro foi atropelado ficou muito doente por isso morreu, A conversa foi muito significativa sobre os cuidados que devemos ter com os animais.

Depois da leitura foram feitos questionamentos onde ouve a interação das alunas, na hora desenho foram bem criativa. A pintura com capricho, surgiram os nomes da gata JULINHA coruja FLOR e a raposa FIFI. Para finalizar as alunas identificaram os animais através do som que iam ouvindo assim que sabiam falavam e a professora escrevia destacando sempre a primeira letra logo após fizemos a leitura e separação das silabas no quadro junto com a professora.

 

Plano de Intervenção Pedagógica

 

Data: 30 de  setembro de 2015

 

Dados de Identificação:

Escola: I. E. E. Oswaldo Aranha

Professor (a): Suelen

Pibidiano (a) (as/os): Karine Horner

Ano: 2015/2

Turma: 12

Período: Tarde

 

Tema: Meio Ambiente

 

Objetivos:

 

Objetivo geral:

 

Levar a criança a conhecer, valorizar e proporcionar o contato com o meio ambiente.

 

Objetivos específicos:

 

Reconhecer alguns cuidados que devemos ter com as plantas; 

Desenvolver a coordenação sensório-motor, agilidade, lateralidade, por cima e por baixo, motricidade ampla freio inibitório e atenção.

 Instigar a importância do cuidar e do preservar o meio ambiente.

 

Conteúdo:

 

Ciências da natureza cuidar preservar

Artes: desenho e pintura

 

Desenvolvimento do tema:

 

- A professora irá escrever no quadro as seguintes letras e os alunos devem observar a letra anterior de cada um seguindo a ordem alfabética e descobrir o titulo da música AS ÀRVORE BALANÇAM fazer musical entre sons graves e agudos curtos longos, unir a música ao gesto, reconhecimento e utilização das variação de velocidade  e densidade.

 

 

- A turma fará um passeio no pátio da escola com a professora pibidiana para observar as arvores existente ao redor estarão caminhando em fila e respondendo as seguintes perguntas: Você sabe o que é meio ambiente? Você sabe como cuidar dele? Quantas arvores vocês estão vendo? Quais são as partes da árvore? O que que a arvore precisa para crescer? Por onde arvore se alimenta? Porque a arvore é importante para nós? O que a arvore nos fornece? Porque devemos cuidar as arvores? Vocês sabem de onde vem o ar que respiramos?

 

- Os alunos irão pegar folhas secas do chão para fazer trabalho de artes logo após será realizado uma recreação CADA MACACO NO SEU GALHO será colocar os bambolês no chão e pedir que cada aluno entre dentro dele, um aluno ficará sem esse será o macaco sem galho. Quando o professor disser: cada macaco no seu galho! Todos terão que trocar de lugar até mesmo o aluno que ficou sem bambolê. Sobrará um novamente. Esse então será o macaco sem galho

.

- De volta a sala de aula onde os alunos irão desenhar na folha A4 uma arvore a partir das folhas secas que serão colocadas em baixo da folha A4 e com o giz de cera pintar bem na calma por cima.

 

Avaliação:

 

A avaliação se dará através da participação na realização das atividades em grupo e individuais na aula.

 

Reflexão:

 

A primeira intervenção deu início com conversa em sala de aula com os alunos.  Foi explicado para eles como seria desenvolvido o trabalho. A participação no início foi um pouco restrita por não estarem acostumados a olhar o alfabeto exposto na parede. Tive que chamar a atenção varias vezes, pois teriam que descobrir o nome da música.

Na música foi trabalhado vários ritmos, foi feito gestos para a interpretação da mesma. A participação no inicio foi pouca, sentiam vergonha de dançar. Muitos iam perguntar a sua professora se poderiam participar. Tive total apoio dela. Depois da sua intervenção todos estavam participando aproveitando a dança.

Logo após a merenda retornamos para a sala e expliquei que iriamos dar um passeio para observar as árvores no pátio onde a professora pibidiana iria fazer perguntas sobre o tema, mas antes teríamos que conversar sobre o que poderiam ou não fazer e a turminha prontamente ajudou nos combinados. A participação foi bem proveitosa surgindo perguntas e discussões entre eles.

Antes de iniciar a atividade foi pedido para escolher apenas folhas secas para a atividade e uns foram ajudando os outros. Na brincadeira “Cada macaco  no seu galho” pude observar que as crianças tem muita dificuldade com lateralidade, e a regente a todo o momento a minha disposição me  ajudando. As crianças vibraram de alegria por fazerem uma atividade de recreação pedindo para a regente para ficarem mais tempo no pátio para brincar. Muitos ficaram tristes   para entrar na sala para fazer o trabalho final de artes. No trabalho de artes os alunos tiveram dificuldade em pintar com o giz de cera deitado. Fui explicando de classe em classe para os alunos entenderem. Depois, ao final todos já sabiam como fazer e foram emprestando as folhas uns para os outros e foram saindo  trabalhos  lindos! 

 

 

Plano de Intervenção Pedagógica

 

Data: 27/08, 02/09 e 16/09/15

 

Dados de Identificação:

Escola :Instituto Estadual  de  Educação Oswaldo Aranha

Professor (a): Suelen

Pibidiano (a) (as/os): Karine Oliveira Horner

Ano: 2015/2

Turma:  1° ano

Período: Tarde

 

Observação: OBSERVAÇÃO  DA TURMA DO PRIMEIRO ANO

 

 

 Eu, Karine Horner, bolsista do quinto semestre do curso de Pedagogia Licenciatura da Uergs, unidade de Alegrete onde vou desenvolver minhas atividades de iniciação à docência do Pibid (Programa institucional de bolsa de Iniciação a docência) no Instituto Educação Oswaldo Aranha.  Na apresentação da escola pela supervisora iniciamos pela biblioteca, no arquivo histórico dando continuidade a apresentação dos novos bolsistas para as professoras passando assim por todos as turmas dos Anos iniciais. Após por todas as dependências da escola e no Ginásio e Prédio Novo Observando a Escola no seu amplo aspecto físico.

    No dia 27 de agosto de 2015 iniciei minhas observações na turma primeiro ano, turma doze   da professora Suelen onde farei minhas intervenções pedagógicas neste segundo semestre. A turma me recebeu com muito carinho, vieram me abraçar e conversar com se podia auxiliar nas atividades que a professora regente tinha passado no quadro.

    A sala de aula do primeiro ano é ampla e arejada. Tem dois armários, um é para guardar os materiais como folhas brancas, giz de cera e no outros livros e alguns jogos. Ambos ficam chaveados. As   mesas e cadeiras são do tamanho adequado à turma. Tem a alfabeto visível para as crianças. Os cartazes expostos em sala de aula não têm margens e nem a primeira letra destacada.

    O local onde fazem sua higiene é limpo, localiza-se longe da sala de aula.  A professora só permite que vá uma criança   por vez ao banheiro e a turma não tem a rotina de escovar os dentes. A criança não forma grupos isolados e a maioria tem autonomia na realização das atividades de escrita e desenho.

    É no refeitório onde recebem a merenda oferecida pela Escola comprada com verba enviada pelo governo federal e cardápio organizado por nutricionista do da SEC do Estado e enviado pela CRE.  Ao retornarem para sala comem o seu lanche de casa e convidando os colegas.

     Assim que terminam de copiar a atividade escrita do quadro, antes de irem para o recreio formam fila.  As crianças têm como área de lazer o pátio da frente da Escola sendo que a pracinha e a sala de informática estão sempre ansiosas para irem

      A turma é composta por vinte alunos onde são oito meninos e doze meninas com faixa etária entre seis e oito anos e uma aluna com paralisia cerebral moderada. Pode-se dizer que o relacionamento deles é bom pois não tem grupos isolados. A professora faz os combinados oralmente todos os dias.

    O relacionamento dos alunos com a professora está melhorando aos poucos os alunos são dispostos um a traz do outro.  A educadora passa o conteúdo no quadro para terem a habito de copiar. A turma na sua maioria tem autonomia na atividade com música e desenho.

 

    Durante a tarde a professora organiza as atividades, disponibiliza anoite para construção da aula procurando sempre desenvolver com seus alunos conforme a sua necessidade.

    Eles ainda não foram à Informática, recreação e a biblioteca, pois é uma vez por semana e a professora esta focada em que a maioria dos alunos consiga ler o mais rápido possível.

    Planeja seu trabalho através de planos diários procurando sempre aplicar no mínimo três áreas do conhecimento por dia.

    A professora Suélen cursou universidade e fez no ensino superior o curso de Pedagogia na UERGS Participa de reuniões pedagógicas quinzenais para planejamento e estudo das suas aulas integrando linguagem, número e socialização.

    Organiza suas atividades individualmente, utiliza livros de alfabetização e internet. Acha que a participação da família é muito importante para desenvolvimento sócio afetivo e cognitivo da criança.

    Neste período de observação pude perceber a quanto é importante conhecer as crianças observando assim suas dificuldades e habilidades. Este tempo contribuiu para um planejamento mais criativo, envolvente e realista nas minhas futuras intervenções.

 

 

DATA: 09/04/2015

RELATÓRIO DAS OBSERVAÇÕES

            As observações do programa PIBID iniciaram na EMEB Luiza de Freitas Valle no dia 09 de abril, neste dia foram observadas três turmas no turno da tarde.  Neste semestre o trabalho será desenvolvido em dupla, sendo os componentes desta Marilu Ferreira e Karine Horner.

            No primeiro momento foi observada a turma do 5º ano, composta por 18 alunos e a professora Neiva Escobar como regente. Durante o tempo em que foi feita a observação os alunos mantiveram-se atentos à explicação de conteúdos que a profª Neiva estava fazendo.

            No segundo momento a turma observada foi a do 3º ano, composta por 17 alunos e tendo como regente a profª Elisângela. Neste período os alunos estavam reescrevendo uma história que tinham acabado de ouvir, e continuaram a realizar a tarefa.

             No terceiro momento foi a vez da turma do 4º ano, composta por 14 alunos, a regente da turma sendo a profª Rose. Os alunos também estavam realizando atividades e mantiveram-se envolvidos com os temas. Faz parte desta turma uma aluna com Síndrome de Down.

 

I. Plano de Aula: Educação Ambiental

II. Dados de Identificação:

Data: de 16/04/2015 a 07/ 05/ 2015

Escola: EMEB LUIZA DE FREITAS VALLE ARANHA

Professor (es): Neiva, Elizangela, Rose.

Pibidiana(s): Marilu S. N. Ferreira e Karine Horner

Ano: 5º ANO séries iniciais

Período: QUATRO AULAS

III. Tema: PESQUISA E PERCEPÇÃO DO MEIO AMBIENTE 

 

IV. Objetivos:

GERAL: Estimular a criatividade e o processo evolutivo do educando de maneira significante.

ESPECÍFICOS: Criar possibilidades para as descobertas das diversas formas de produção textual e leitura.

Promover a conscientização da preservação do meio ambiente

 

V. Conteúdo: Interdisciplinar

VI. Desenvolvimento do tema:

No primeiro momento apresentar a proposta de aula para os alunos, a seguir os combinados regulares, necessários para o desenvolvimento do projeto de pesquisa. As anotações serão feitas pelos alunos dos passos a serem seguidos para a coleta de dados, investigação, seleção do material, mensuração e posterior análise.  O passeio será um mini- piquenique na praçinha do entorno da escola. A coleta de dados será usada para construção de trabalhos textuais de arte, também o espaço geográfico e o uso dos dados mensurados na matemática.

PROCEDIMENTO

1ª AULA

Coleta de dados,

Passeio- piquenique na praçinha do bairro,

Pintura livre sobre a paisagem,

 

2ª AULA

Classificação do material que vai ser utilizado no desenvolvimento do projeto, e mostra de ciências,

Discussão e análise,

3ª AULA

Contextualização do espaço geográfico,

 

4ª AULA

Conclusão,

Produção painel com:

Mensuração dos dados, produção artística e textual.

 VII. Recursos Didáticos: Data show, pen drive, celular com capacidade de gravar vídeo, caderno, lápis, maquina fotográfica, giz de cera, lápis de cor, cartolina, papel pardo, canetão, canetinhas, tinta guache, pincéis, folha branca.

 

VIII. AVALIAÇÂO

Observar se os objetivos propostos para essas aulas foram gradativamente compreendidos e atingidos pela turma. Se necessário reajustar as propostas para se adequar as especificidades da turma ou planejar atividades futuras.

IX. Referências:

Preservação e proteção ambiental > Disponível em > http://www.evambiental.com.br/meio-ambiente-ambiental/preservacao-protecao- ambiental > Acesso em 12/023/2015

X. Reflexão

1ª Intervenção

A primeira abordagem junto aos alunos do 5ºano transcorreu de maneira satisfatória, visto que os objetivos foram alcançados; os alunos participaram da proposta de trabalho e realizaram as atividades com entusiasmo.

Iniciamos a aula com a apresentação das pibidianas feita pela professora regente  à  turma, a seguir explicamos para eles como será desenvolvido o trabalho e o nome do nosso projeto. Foram feito os combinados com a turma, e solicitamos  também a cooperação de todos.

Iniciamos a nossa primeira aula com um passeio educativo com pequeno piquenique,com lanche produzido pelas bolsistas(bolo e refrigerante),na pracinha nos arredores da escola para coleta de dados. Os alunos participaram com questionamentos sobre o que iriam observar,  foram  respondidas pelas professoras bolsistas as duvidas que surgiram no momento.

Consideramos a participação dos alunos muito significativa, pois eles demonstraram entusiasmo, alegria e disposição. Relatavam o que estavam vendo na pracinha, o que estava encontrando e que eles imaginavam estar errado nos arredores como  garrafa pet, cacos de vidro, papeis, sacos de lixo.

Para finalizar a aula foi pedido para que cada um realiza-se uma pintura sobre o  que mais chamou a atenção  no  cenário observado, a turma foi se dividindo em grupos trabalharam com organização e respeito entre si e  foram  bem criativos nas suas pinturas, foi salientado que daríamos continuidade na aula seguinte.

 

FOTOS DA INTERVENÇÃO

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98054209/MARILU%20E%20KARINE%207.jpg

Pibidiana karine com o grupo, na praça.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98054224/MARILU%20E%20KARINE%208.jpg

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98054234/MARILU%20E%20KARINE%209.jpg

Pibidiana karine organizando material produzido.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98054239/MARILU%20E%20KARINE%2010.jpg

Pibidiana Marilu com o grupo, na praça.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98054249/MARILU%20E%20KARINE%2011.jpg

Pibidiana Marilu organizando material produzido.

 

EMEB LUIZA DE FREITAS VALLE ARANHA

REFLEXÃO SOBRE A AULA DO DIA 23/ 04/ 2015

BOLSISTAS: MARILU e KARINE

TURMA: 5º ANO

TEMA: PESQUISA E PERCEPÇÃO DO MEIO AMBIENTE

REFLEXÃO 1ª INTERVENÇÃO

A primeira abordagem junto aos alunos do 5ºano transcorreu de maneira satisfatória, visto que os objetivos foram alcançados; os alunos participaram da proposta de trabalho e realizaram as atividades com entusiasmo.

            Iniciamos a aula com a apresentação das pibidianas feita pela professora regente à turma, a seguir explicamos para eles como será desenvolvido o trabalho e o nome do nosso projeto. Foram feito os combinados com a turma, e solicitamos também a cooperação de todos.

           Nossa primeira intervenção com um passeio educativo com pequeno piquenique, com lanche produzido pelas bolsistas (bolo e refrigerante), na pracinha nos arredores da escola para coleta de dados. Os alunos participaram com questionamentos sobre o que iriam observar, foram respondidas pelas professoras bolsistas as duvidas que surgiram no momento.

           Consideramos a participação dos alunos muito significativa, pois eles demonstraram entusiasmo, alegria e disposição. Relatavam o que estavam vendo na pracinha, o que estava encontrando e que eles imaginavam estar errado nos arredores como garrafa pet, cacos de vidro, papeis, sacos de lixo.

          Para finalizar a intervenção foi pedido para que cada um realiza-se uma pintura sobre o que mais chamou a atenção no cenário observado, à turma foi se dividindo em grupos trabalharam com organização e respeito entre si e foram bem criativos nas suas pinturas, foi salientado que daríamos continuidade na intervenção seguinte.

 

EMEB LUIZA DE FREITAS VALLE ARANHA

REFLEXÃO SOBRE A AULA DO DIA 23/ 04/ 2015

BOLSISTAS: MARILU e KARINE

TURMA: 5º ANO

 

TEMA: PESQUISA E PERCEPÇÃO DO MEIO AMBIENTE

           Na 2ª intervenção que faz parte do plano de estudo para com a turma do 5ºano, houve a classificação do material que vai ser utilizado no desenvolvimento do projeto. Discussão e análise sobre o material coletado, visualização das fotos do passeio na praça, organização de grupos para realizarem produção textual. Após realizamos sorteio para a escolha dos grupos apresentarem seus trabalhos na próxima aula. Ficou acertado que três grupos apresentarão na data a seguir em que teremos as intervenções e os demais na aula seguinte.

            Os alunos demonstraram interesse sobre o assunto, envolvimento no trabalho e muitos grupos autonomia em sua produção textual, com escolha do titulo de acordo com o assunto e desenvolvimento pertinente. Houve casos de dúvidas para a escolha sobre o que e como escrever, mas tudo dentro do esperado, tendo em vista que os alunos estão em processo de aprendizagem, onde as dúvidas fazem parte do processo evolutivo do ensino aprendizagem.

 

FOTOS DA INTERVENÇÃO

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98054779/MARILU%20E%20KARINE%2012.jpg

Assistindo na tela da tevê as imagens do passeio na praça.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98054824/MARILU%20E%20KARINE%2013.jpg

Pibidiana Karine com a turma.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98054839/MARILU%20E%20KARINE%2014.jpg

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98054849/MARILU%20E%20KARINE%2015.jpg

Produção textual sobre o evento.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98054854/MARILU%20E%20KARINE%2016.jpg

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98054859/MARILU%20E%20KARINE%2017.jpg

Organizando materiais para o término da aula.

 

 

 

 

REFLEXÃO SOBRE A 3º AULA COM OS ALUNOS DO 5º ANO

Marilu Ferreira

Karine Horner 

 

Nossa intervenção para com os alunos do 5º ano na 3ª aula,  teve seu inicio com uma conversa sobre a atividade que ficou para ser terminada em casa, a produção textual; que foi feita em grupo e as quais seriam apresentadas pelos grupos de alunos que faltavam concluir o processo de apresentações.

Os alunos estavam ansiosos para este momento, onde as professoras pibidianas explicaram que essa atividade era para relatar ao grande grupo o que haviam notado durante o passeio da turma, na pracinha, pois cada pessoa observa as coisas de maneiras diferentes. A participação dos educandos foi muito significativa, pois eles relatavam o que viram no passeio com muita clareza e a partir disso surgiram perguntas por parte dos alunos, bem interessantes, sobre os textos produzidos e lidos em sala de aula. Os questionamentos foram discutidos e comentados pelas professoras bolsistas, com manifestações dos alunos.

 Após esse momento para finalizar a intervenção, fomos à biblioteca para trabalharmos com colagem, a partir de folhas secas, contemplando nosso projeto que é sobre o meio ambiente. Foram feitos desenhos de animais, em um processo de colagem e pintura, como personagem um pássaro, todos os alunos se envolveram, e participaram com interesse e criatividade na atividade proposta. Acreditamos ter alcançados nossos objetivos para esta proposta de aula junto aos alunos do 5º ano, visto que houve participação de todos os envolvidos para a realização da mesma.

 

FOTOS DA INTERVENÇÃO

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98055109/MARILU%20E%20KARINE%2018.jpg

Apresentação de trabalhos com orientação da prof Karine.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98055114/MARILU%20E%20KARINE%2019.jpg

Profª Marilu dialogando com os alunos e profª Karine.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98055119/MARILU%20E%20KARINE%2020.jpg

Profª Marilu orientando o trabalho de colagem e pintura.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98055129/MARILU%20E%20KARINE%2021.jpg

Profª Karine orientando o trabalho de colagem e pintura.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98055139/MARILU%20E%20KARINE%2022.jpg

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98055419/MARILU%20E%20KARINE%2023.jpg

As profs com os trabalhos dos alunos prontos.

 

DATA: 14/05/2015  

1ª INTERVENÇÃO

X. REFLEXÃO

     Nesta intervenção os objetivos não foram alcançados; muitos foram os fatores que contribuíram para o fato, um dos motivos foi à falta de suporte tecnológico. A intenção era apresentar um vídeo sobre a importância da higiene para a saúde, mas como o aparelho de TV que foi disponibilizado para nossa prática não foi compatível com formato do vídeo, essa tarefa se tornou impossível. Tentamos utilizar apenas o not, mas a caixa de som emprestada da escola não funcionou. Então partimos para um bate papo com os alunos sobre o assunto, houve boa participação, mas alguns alunos demonstraram mau comportamento, hiperatividade, agitação, agressividade entre eles. Talvez o espaço não fosse o adequado, estávamos na biblioteca (onde está o aparelho de TV), talvez as acomodações, (as crianças estavam sentadas em tapetes) também não fossem confortáveis.

       Pela primeira vez em muitas intervenções já realizadas com diversas turmas, não se conseguiu completar uma atividade por falta de colaboração dos alunos.  Ao retornarem para a sala de aula após a atividade incompleta, houve um dialogo com os alunos sobre o comportamento deles e foi relembrado  os combinados da turma, alguns se manifestaram; os que tinham bagunçado durante a atividade  se mantiveram quietos, para a próxima intervenção  prometeram que iriam ficar calmos pois queriam produzir o trabalho proposto.  Para a próxima intervenção com essa mesma turma, vamos precisar reajustar as propostas de plano de aula para se adequar às especificidades da turma. Procurar meio e métodos que comportem uma aprendizagem significativa para todos, e com isso poder alcançar os objetivos almejados.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/89531096/1%20FOTO%20MARILU.png

 

DATA:

21/05/2015 

 2ª INTERVENÇÃO Reflexão

            A intervenção neste dia foi uma retomada da aula anterior, pois como relatamos anteriormente não houve condições de uma boa prática naquele dia, pela indisciplina e não colaboração de alguns alunos da turma.  Começamos a aula com uma conversa relembrando o que tínhamos iniciado fazer na semana passada sobre os hábitos de higiene.  Foi explicado que o método para a realização da aula seria modificado e adequado ao grupo, trabalho individual e com pintura. Disponibilizamos para cada aluno uma folha branca com desenhos xerocados, hábitos de higiene para que fossem pintados com cuidado e capricho. Nas imagens estavam ações e ou objetos que fazem parte de boa higiene e cuidados que devemos ter com o corpo, com os alimentos, com nossa casa, com a escola.

            Ao final as pinturas foram mostradas para os alunos e sendo elogiados pelo trabalho realizado; ficaram realmente lindos os trabalhos feitos por eles. Cada imagem que era vista, eram explicadas a importância e alguns cuidados que precisamos ter com o nosso corpo para ter uma boa saúde. A intenção era fazer com que os alunos participassem tirando suas duvidas. A participação foi ótima, embora a turma seja agitada a grande maioria colaborou e conseguiram completar as atividades.

            Explicamos que esta atividade seria colocada em um painel e exposta na sala de aula onde ficará para que observem os cuidados que devem ter em casa, na escola e com seu corpo. Os alunos participaram com interesse e alguns com autonomia decidiram apresentar também sua opinião para toda a turma na frente do quadro, com desenhos explicativos e sugestões, foi uma agradável surpresa ver todos envolvidos e participantes e também atuantes., tendo em vista a aula anterior com essa mesma turma.

            De forma organizada a professora dava o tempo necessário para que todos que quisessem falar realizassem seu intento, iam ate à frente e utilizavam o quadro e com desenhos feitos por eles mesmos para falar sobre o tema. Foi muito gratificante ver, perceber, o envolvimento dos alunos na proposta de aula. Gostaríamos de salientar que o aluno que costuma ter momentos de indisciplina na aula, foi o primeiro a querer apresentar-se para os demais, com suas colocações e argumentos sobre o tema, falou com clareza e muito boa dicção e articulação. Nesta intervenção os objetivos foram plenamente alcançados.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98053694/MARILU%20E%20KARINE%202.jpg

O desenho que o aluno fez no quadro, é um menino tomando banho na piscina, e explicações por parte dele para os colegas sobre cuidados com água nos ouvidos.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98053699/MARILU%20E%20KARINE%203.jpg

Momento de visualização dos trabalhos que realizaram em aula, a colega Karine foi a fotógrafa.

 

DATA: 03/06/2015

3ª INTERVENÇÃO E REFLEXÃO

            Nesta aula foi retomado com os alunos o tema cuidados com a higiene na forma de dialogo e demonstração de desenhos pintado na aula anterior, e logo após foi feita à atividade cruzadinha da higiene. Também foi disponibilizada uma folha xerocada com desenhos para reconhecimento dos objetos que faziam parte da higiene bucal. Com essa intervenção encerramos a intervenção junto à turma do 3º ano, e a conclusão da proposta aconteceu com produção de painel com os trabalhos desenvolvidos pelos alunos durante as intervenções. A intervenção transcorreu de forma tranquila, os alunos realizaram as atividades que foram propostas para eles. Consideramos os objetivos alcançados com o planejamento feito para esta turma. Salientamos que o tema que fez parte da intervenção para com esse grupo, foi solicitado pela professora regente, a qual nos pediu para que trabalhássemos sobre higiene.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98053704/MARILU%20E%20KARINE%204.jpg

RETOMADA DO TEMA A HIGIENE PESSOAL

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98053709/MARILU%20E%20KARINE%205.jpg

OS ALUNOS INTERESSADOS, PRESTANDO ATENÇÃO NA EXPLICAÇÃO FEITA PELA PROFESSORA KARINE.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98053719/MARILU%20E%20KARINE%206.jpg

MOMENTO DE OUVIR OS ALUNOS EM SUAS INDAGAÇÕES

 

I. Planejamento de intervenções pedagógicas: Hábitos de Higiene 

II. Dados de Identificação:

Data: 14/05/2015   A  03/ 06/ 2015

Escola: EMEB LUIZA DE FREITAS VALLE ARANHA

Professor (es): Elizângela Ribeiro

Pibidiana(s): Marilu S. N. Ferreira e Karine Horner

Ano: 3º ANO séries iniciais

Período: TRÊS AULAS

III. Tema:  Higiene Corporal e Saúde

IV. Objetivos:

Geral:

Reconhecer a importância da higiene para uma vida saudável e a conscientização de valorizar o cuidado com o próprio corpo.

Específicos:

Levar o aluno a perceber a necessidade de adquirir bons hábitos de higiene.

Adotar hábitos de autocuidado, respeitando as possibilidades e limites do próprio corpo;

Reconhecer a importância e a necessidade de se ter uma boa higiene corporal, e  bucal.

 

V. Conteúdo: Interdisciplinar

VI. Desenvolvimento do tema:

Será desenvolvido com os alunos  tema sobre cuidados com a higiene pessoal e hábitos necessários para uma boa saúde. O cuidar dos locais onde convivem: sala de aula, na escola, em casa. Reconhecimento de bons hábitos de convivência e respeito mútuo.

PROCEDIMENTO

1ª AULA

INTRODUÇÃO AO ASSUNTO:

Explicação do tema

Vídeo, 

Questionamentos sobre o filme

Recorte e colagem,

2ª AULA

FOI TRABALHADO:

Cuidados necessários com cada parte do nosso corpo;

Pintura de desenho relacionado aos cuidados com a higiene;

Diálogo com os alunos sobre a higiene pessoal;

Participação dos alunos com explicações orais sobre o tema;

Caça palavras relacionadas à higiene e saúde.

3ª  AULA (03/06/2015)

SERÁ TRABALHADO:

Nesta aula será feita uma retomada do tema cuidados com a higiene;

Será feita a atividade cruzadinha da higiene;

Os alunos realizarão pintura em desenhos sobre os itens de higiene;

Conclusão da proposta com produção de painel com os trabalhos desenvolvidos pelos alunos durante as intervenções.

VII. Recursos Didáticos: tv, pen drive, celular com capacidade de gravar vídeo, caderno, lápis, maquina fotográfica, giz de cera, lápis de cor, cartolina, papel pardo, canetão, canetinhas, eva, pincéis, folha branca, TNT, EVA, cola quente.

VIII. Avaliação: Observar se os objetivos propostos para estas aulas foram gradativamente compreendidos e atingidos pela turma. Se necessário reajustar as propostas para se adequar às especificidades da turma ou planejar atividades futuras. IX. Referências:http://www.escolakids.com/higiene-do-corpo.htm

 

 

 

I. Plano de Aula: Lateralidade e Motricidade ampla

 

II. Dados de Identificação:

Data: 25/06/2015 

Escola: EMEB LUIZA DE FREITAS VALLE ARANHA

Professora: Rosemary

Pibidiana(s): Marilu S. N. Ferreira e Karine Horner

Ano: 4º ANO séries iniciais

Período: tarde

 

III. Tema: Aprendizagem com ludicidade

 

IV. Objetivos:

Geral:

  • ·                  

Específicos:

  • ·      Instigar o aluno a desenvolver exercícios de motricidade ampla,
  • ·     Reconhecer a importância e a necessidade de se ter uma boa performance postural para desenvolvimento saudável
  • ·    Desenvolver atividades de ensino aprendizagem de maneira lúdica. 

 

V. Conteúdo: Interdisciplinar

 

VI. Desenvolvimento do tema:

PROCEDIMENTO

Os alunos deverão seguir comandos pré-determinados pelas professoras doPibid para a realização da proposta de aula. Os quais estão dispostos a seguir: iniciar com exercícios de alongamento, após os alunos desenvolveram movimentos como;

1- Andar com pequenos passos largos, na ponta dos pés, dos calcanhares;

2- Andar entre obstáculos, respeitando regras;

3-Andar de lado ;

4- Correr livremente sem ritmo imposto;

5- Correr imitando um avião;

6- Deslocar-se de joelhos;

7- Saltar em um pé só;

8- Pular corda no chão, no ar e batida;

9- Pular sapata e amarelinha;

10- Arremessar, apanhar, rolar e picar a bola;

11- Andar, correr, saltitar (em círculo na ponta dos pés, nos calcanhares com o pé direito, com o pé esquerdo, pulando, etc);

12- Imitar e criar movimentos, envolvendo braços, mãos, pernas e pés;

 Após os exercícios os alunos farão exercícios de alongamento pra a finalização das atividades, a seguir uma pausa para dialogo sobre o que tema que foi trabalhado.

 

VII. Recursos Didáticos: Cones, bambolês, bola, corda, apito, colchonetes.

 

Avaliação: Observar se os objetivos propostos para esta aula foram gradativamente compreendidos e atingidos pela turma.

 

IX. Referências:

http://www.mundinhodacrianca.net/2009/06/atividades-de-motricidade-ampla-para-as.html

 

X. Reflexão

Esta intervenção foi planejada para trabalhar com os alunos atividades de motricidade ampla, as quais possibilitaram aos alunos momentos de aprendizagem e descontração. A turma toda participou alegremente da proposta de aula, realizada no pátio interno da escola de maneira organizada e participativa. Na turma tem uma aluna com síndrome de down e procuramos fazer com que ela também participasse ativamente das brincadeiras. Os alunos demonstraram gostar de executar os comandos de exercícios feitos em grupo e individualmente com comentários sobre os mesmos. Consideramos que o ensino-aprendizagem são compostos de fatores múltiplos que estão envolvidos e em sintonia, o professor como mediador e o aluno como parte dessa proposta de trabalho com suas vivências socializadas ao grande grupo. Dessa forma atividades planejadas e elaboradas para disponibilizar aos alunos metodologias lúdicas, visando significância no aprender, possibilitaram condições para nós bolsistas, momentos únicos de aprendizagem e trocas com os alunos, acreditamos que para eles também. Nesta intervenção consideramos os objetivos alcançados, visto que os alunos participaram em todas as propostas de exercício de maneira espontânea e com demonstrações de agrado.

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98078214/MARILU%20E%20KARINE%2028.jpg

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98078194/MARILU%20E%20KARINE%2027.jpg

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98078189/MARILU%20E%20KARINE%2026.jpg

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98078184/MARILU%20E%20KARINE%2025.jpg

 

http://uergspedagogiaalegrete.pbworks.com/w/file/fetch/98078174/MARILU%20E%20KARINE%2024.jpg

 

Comments (0)

You don't have permission to comment on this page.